Mude seus hábitos

08/04/2016

Mude seus hábitos | Camile Carvalho

Muitos estão insatisfeitos com algo em relação a si mesmos, seja em relação à aparência, às atitudes ou aos hábitos. Em relação à aparência, é um assunto um pouco mais delicado. Falamos tanto de autoestima, sobre a importância de autoaceitação, mas em determinadas situações, é possível fazer pequenas mudanças que nos deixem mais feliz. Mas o que vamos abordar hoje são os hábitos.

Parar de fumar, começar uma atividade física, mudar de emprego, quem nunca pensou em fazer alguma transformação de vida e deixou para depois, para quando tudo estiver mais favorável? Adiamos planos e sonhos achando que no momento agora não é possível fazer nada, pois nos falta algo. Pois eu vou te contar uma verdade: sempre faltará.

Esperar começar a dieta quando se matricular numa academia, mudar de emprego quando fizer um novo curso, buscar a felicidade quando…

Quando?

É claro que em determinadas situações precisamos de alguma etapa anterior para podermos alcançar o que desejamos. Não podemos simplesmente ter um diploma sem antes realizar o curso, por exemplo. Mas na maioria das vezes, o que precisamos é apenas de força de vontade. E aí está o problema: onde encontrá-la?

Força de vontade está muito relacionada à motivação. Se não conseguimos visualizar o resultado final, dificilmente teremos energia suficiente para começar uma transformação. Logo, o primeiro passo é traduzirmos essa meta em imagens reais, possíveis de serem alcançadas e imaginadas. Mantê-las vivas em nossa mente é fundamental para não desistirmos na primeira pedra que encontramos no caminho.

Faça um exercício de autoanálise e identifique a principal meta que deseja alcançar com a mudança de hábito. Pegue um papel, canetas coloridas, ou simplesmente abra seu computador e descreva, desenhe, manifeste seus pensamentos. Coloque sua intenção, materialize o que antes eram imagens sem forma e pensamentos vagos. O que, afinal, você quer transformar? O que você precisa para alcançar o resultado? Como será sua vida após essa mudança de hábito? Traga do imaginário para o concreto. Quando organizamos nossos pensamentos, tudo fica mais fácil de se realizar.

Um sonho que fica apenas no imaginário, nunca deixará de ser um sonho. Dê vida ao seu sonho e planeje as mudanças necessárias. Afinal, começar uma atividade física pode ser difícil, mas ter a clareza dos benefícios aplicados em sua vida pode te fazer levantar do sofá.

E você, qual hábito quer mudar e não tem motivação? O que lhe falta?

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr

comentários via facebook

4 comentários leave one →

  1. Eduarda

    Olá!
    Gostei do post eu tenho que mudar o fato de ser tão inconstante. Toda hora mudar de ideia sobre o que eu quero. Está me atrapalhando no trabalho mas não sei como fazer isso.

    Responder
  2. Meu hábito é reclamar! É do calor, é do governo, é das circunstâncias, de tanta coisa. Esses dias pensei que isso já estava se tornando um hábito até feio. É normal reclamar, mas até certo ponto, eu já estava extrapolando.
    Botei em prática meu plano de ação, mesmo porque só planejar não vale hehe. Vamos ver o resultado daqui um tempo e o que foi melhorado na minha vida.
    Beijos!

    Responder
  3. Olá 😀
    Acabei de achar seu blog (vi um comentário seu lá no Teoria Criativa) e me apaixonei por esse post. Eu costumo (ou costumava, estou mudando hihi) adiar muitas das coisas que eu queria fazer por não estar “preparada”. Uma coisa que me ajudou foi escrever o porquê de não fazer aquilo no dia que deixei de fazer. Depois de um tempo eu percebi que estava me deixando angustiar com coisas bobas e sem sentido pra minha vida e quenão havia absolutamente nenhum ponto positivo por adiar aquilo. As coisas estão se desenvolvendo bem mais agora!
    Adorei sua escrita, muito gostosa de ler <3
    Beijo grande!

    Responder
  4. Jessica Lara

    Excelente as indicações meu pai fuma bastante vou passar para ele essas recomendaçoes.

    Responder

Gostou do que escrevi? Deixe um comentário! :)