Artigos sobre » Bem-estar

Como limpar e energizar cristais

07/02/2016

Como limpar e energizar cristais » Camile Carvalho » camilecarvalho.com

Uma dúvida que muitos me perguntam é sobre como energizar (limpar) cristais. Há diversas formas de eliminar as energias negativas, mas é sempre bom adotarmos um ritual e fazermos com frequência para mantermos nossos cristais bem energizados e trazendo todos os benefícios para o nosso ambiente.

Como identificar a energia do cristal?

O primeiro passo é saber quando fazer a limpeza dos nossos cristais. Não há uma regra certa de periodicidade, mas é sempre bom tentarmos analisar as energias que os cristais estão emanando. Um cristal bem energizado tem a temperatura mais fria, então uma dica de ouro que aprendi com um professor especialista no assunto, é encostar a pedra na bochecha e sentir sua temperatura. Se estiver fria, ele está bem energizado, porém, se o cristal estiver da temperatura do nosso corpo pro quente, é hora de fazer uma boa limpeza.

Claro que esta é apenas uma forma de identificar a necessidade de limpeza dos cristais, mas também podemos seguir nossa intuição. Se o ambiente está muito tempo fechado (por exemplo, após uma viagem longa) ou se queremos utilizá-lo para algum propósito específico, é sempre bom renovar suas energias para que voltem a vibrar.

Como limpar e energizar cristais » Camile Carvalho » camilecarvalho.com

Como fazer a limpeza dos cristais?

Como eu comentei acima, há diversas formas, desde passá-lo em uma fumaça de incenso até banhá-los na água do mar. Cada um tem que buscar sua própria forma de limpar os cristais, mas a que eu faço com frequência (e minha intuição concorda) é a seguinte:

1. Coloque-os num recipiente de vidro

Pode ser um bowl, uma travessa ou um copo, contanto que caibam todos os cristais dentro e dê para ficarem submersos à água. Como eu tenho muitos cristais, toda vez que faço uma limpeza aproveito para dar um “banho coletivo” e por isso uso um recipiente grande para caberem todos.

2. Encha de água até todos ficarem cobertos

Meus cristais ficam mais ou menos até a metade do recipiente, então encho de água corrente (da torneira mesmo) até cobri-los todos.

3. Adicione sal grosso

Muitos têm dúvidas sobre o banho de sal grosso, mas o que acontece é que o sal limpa as energias deixando o objeto/pessoa/o que for num estado digamos que neutro. Ele é capaz de remover tanto as energias negativas, quanto também as positivas. É uma explicação simplificada para facilitar a compreensão, mas o sal grosso atua como se estivesse fazendo uma limpeza independentemente da vibração energética que o objeto carrega. No nosso caso, como não temos certeza se todos estão vibrando de forma positiva, ele neutraliza para que depois possamos programar com que energia aquele cristal ficará.

4. Reprograme-os com óleos essenciais

Eu sempre digo e repito: se você ainda não conhece os óleos essenciais, por favor, experimente! 😛 Já escrevi um post sobre o poder terapêutico deles (aqui) e eu gosto demais de usá-los nos meus cristais. Como eu falei no tópico anterior, ao adicionarmos sal grosso, estamos removendo as energias independentemente se são favoráveis ou desfavoráveis, e por isso temos que adicionar uma vibração energética com que queremos que eles fiquem após a limpeza.

Gosto de alternar o uso entre o óleo essencial de Lavanda ou de Alecrim, que além de possuírem um aroma delicioso, também transmitem calma, poder de concentração e meditação, deixando uma aura leve no ambiente.

A forma que faço é pingando de 3 a 5 gotas na água em que os cristais estão mergulhados (sim, junto ao sal grosso), mas há quem prefira fazer um banho de sal grosso e depois de enxaguar, fazer um banho com os óleos essenciais. Vai da intuição de cada um.

5. Luz do sol ou da lua

Leve o recipiente para algum lugar que possa pegar sol ou os raios da lua. Eu gosto de lavar meus cristais e deixá-los do fim da tarde até a manhã seguinte para que possa se aproveitar da energia tanto do sol quanto da lua (não tenho uma lua específica, mas tenho vontade de pesquisar melhor para saber qual a lua mais favorável para isso). Se não tiver como deixá-los pegando luz do sol ou da lua, não tem problema, o próprio sal grosso com o óleo essencial já ai fazer a limpeza necessária.

6. Água corrente

No dia seguinte, pego o recipiente e retiro a água. Não é bom reaproveitá-la para nada, ela deve ser descartada. Passo rapidamente os cristais em uma água corrente e deixo sobre uma toalha felpuda para secar. Pronto! Os cristais estão reenergizados e bem geladinhos, prontos para serem colocados de volta em seus lugares estratégicos.

Dica

Se você não tem óleos essenciais em casa, não tem problema. Os cristais podem ser colocados apenas na água com sal grosso e, ao escorrer a água, energize-os da forma que achar melhor (fumaça de incenso, oração, luz do sol etc.) O importante é removermos aquela energia estagnada que estava neles e adicionarmos a intenção de boas energias.

Não se assuste com o ritual achando que é muito complicado. Acredite em mim, é super rápido fazer a limpeza dos cristais, o post ficou grande porque quis explicar cada passo direitinho. Na verdade o que faço é pegar todos os cristais, colocar no pote, adicionar água, sal grosso e umas 5 gotas de óleo essencial e levar para a varanda para virar a noite. É super simples!

Espero que tenham gostado da forma como energizo meus cristais. Se você também faz isso, compartilhe conosco aqui nos comentários! É sempre bom aprender outras formas de trazer boas vibrações para o nosso ambiente.

Um agradecimento especial para a Jessica do blog Jessica M que me perguntou  no twitter sobre como energizo meus cristais. A ideia do post já era antiga, mas foi ela quem me deu um empurrão para descrever tudo direitinho para vocês.

Se você tem alguma dúvida sobre energias, Feng Shui ou qualquer outro assunto, sinta-se à vontade para perguntar aqui no blog.

Até mais!

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr

Organizando a vida após uma gripe

05/11/2015

Organizando a vida após uma gripe | Camile Carvalho #camilecarvalho

A vida parece que para ao nosso redor quando ficamos doentes de cama e foi mais ou menos isso que aconteceu comigo nesta semana. Peguei uma gripe tão forte que minha temperatura variava de 38-39ºC e passei os dias tremendo de frio e suando repetidamente. Senti muitas dores no corpo, na garganta e ouvido e isso fez com que eu sequer conseguisse ligar o computador pra responder emails importantes, atualizar o blog e conversar com amigos.

Mas, como tudo passa, hoje acordei bem melhor e sem febre. Logo após o café da manhã o mal-estar começou a dar espaço pra uma vontade enorme de colocar tudo em dia e me reorganizar. Pra vocês terem ideia, perdi um pouco a noção do tempo e não sei quantos dias fiquei de cama (tenho que fazer as contas por causa do feriado) mas agora que entrei na reta da cura, precisei levantar, sacodir a poeira e fazer circular essa energia que estava estagnada – junto com os vírus – no meu quarto.

O que fiz pra melhorar meu dia:

# Abri as janelas e deixei que o vento e a claridade entrasse no meu quarto pra circular. Hoje não é um dia de sol, mas só da luz entrar já melhora bastante as energias.

# Coloquei uma playlist de música bem legal do Spotify pra tocar e animar. Nada de tristeza!

# Separei uma garrafa de água para beber enquanto organizava.

# Abri uma nota no Evernote pra ir anotando tudo que me lembrava que teria que ser feito, inclusive este post pro blog. 🙂

# Coloquei o edredom e o travesseiro na janela pra ventilar e troquei a roupa de cama.

# Juntei a papelada espalhada sobre a mesa e empilhei o que era relacionado. Outros coloquei em suas respectivas gavetas.

# Coloquei cada coisa em seu lugar. Por eu ter ficado só deitada, tinha deixado tudo ao meu alcance, o que significou uma bagunça enorme.

# Peguei uma sacola para lixo e coloquei ali tudo que precisava ser descartado.

# Varri o quarto! Sim, com o maior esforço, mas peguei leve. Só pra tirar a sujeira acumulada. É impressionante como muda completamente a energia do ambiente!

# Passei um spray com óleo essencial de Lavanda. Chamo de spray aromático, posso ensinar aqui no blog, querem?

# Tomei um banho de alegria, bem morninho e com sais de banho (sal grosso aromatizado).

Pronto! Sou uma nova pessoa!

Claro que ainda não estou 100% curada e por isso ainda preciso descansar bastante. Todos sabemos que recaídas de gripes são as piores, então após dias de cama deitada sem sequer conseguir levantar para comer, pegar pesado em uma arrumação pode ser prejudicial e por isso fiz tudo dentro dos meus limites. Foi muito gostoso poder cuidar um pouquinho de mim e do ambiente em que vivo pra que as energias se renovassem e que eu me animasse um pouco também.

Depois disso, o ambiente ficou mais leve, bem propício pra trabalhar um pouco, escrever no blog, responder emails e fazer o que está pendente. Vou tirar o resto do dia pra descansar bastante, mas já estou bem o suficiente pra agilizar o que preciso no computador.

Obrigada pelo carinho de todos vocês pelas redes sociais me desejando melhoras. E que todos tenham muita saúde! Sempre aprendo muito com o que acontece comigo e pegar uma gripe dessas que me derrubou por dias só me fez aprender que eu estava deixando minha saúde de lado, me alimentando mal e vivendo na correria. Quando não separamos um tempo para desacelerar, parece que nosso próprio corpo arruma um jeito de nos obrigar a isso. Já aprendi a lição, preciso respirar mais, fechar mais os olhos e desacelerar entre um compromisso e outro.

Calma, calma e calma…

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr
Bem-estar

10 dicas para sentir-se bem

03/11/2014

Camile-yoga

A maioria de nós vive em uma rotina corrida, na qual mal temos tempo para sentar, descansar e simplesmente não fazer nada em silêncio. Como estou em um momento no qual estou tentando voltar ao meu ponto de equilíbrio, anotei 10 atitudes que me fazem sentir bem comigo mesma e resolvi compartilhar com vocês.

Sei que cada um tem suas fórmulas mágicas para desacelerar e se concentrar, mas seguindo uma ou mais dicas abaixo, creio que faz uma boa diferença na forma como encaramos a vida.

10 dicas para sentir-se bem

1. Meditar

2. Cuidar melhor da alimentação

3. Praticar Yoga

4. Reservar um momento para introspecção

5. Reencontrar um amigo antigo e colocar o papo em dia

6. Ajudar alguém que esteja precisando

7. Livrar-se de papeis antigos (e enviar para reciclagem)

8. Ler um bom livro

9. Organizar arquivos do computador (e deletar bastante!)

10. Desapegar de algo que esteja difícil de se libertar

E você? O que costuma fazer para sentir-se bem e voltar ao ponto de equilíbrio?

Compartilhe conosco!

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr