Artigos sobre » Livros

Livro: Chega de bagunça! Organize-se!

28/10/2013

Livro: Chega de Bagunça, Organize-se | Vida Minimalista | vidaminimalista.com

Há um tempo eu já estava pensando em compartilhar com vocês os livros que tenho lido sobre minimalismo, vida simples, produtividade e organização. Hoje, vou mostrar a vocês as impressões que tive com o livro das irmãs Cris e Dete, que trabalham com consultoria de organização desde 2004.

Quando recebi o livro Chega de Bagunça! Organize-se! pelos correios, fiquei desapontada por ter poucas páginas, apenas 71. O livro é dividido em dez capítulos, sendo oito deles sobre organização de alguma parte da casa e os dois últimos com dicas e reflexões, mas cada capítulo não tem mais que duas páginas e fiz a leitura do livro inteiro em apenas alguns minutos.

Chega de Bagunça! É destinado àqueles que sentem a necessidade de se organizar. É uma compilação de dicas básicas que achei boas para principiantes mas que talvez sejam um pouco superficiais para quem já é organizado, ainda que eu tenha aprendido algumas dicas bacanas sobre como conservar os livros e sobre a importância de, ao preparar uma mala de viagem, dar preferência à roupas com cores básicas, pois combinam entre si – algo que podemos considerar minimalista. Por outro lado, dicas como “levar um ferro bivolt em uma viagem” não é nem um pouco prático, já que podemos selecionar peças que não amassem tanto na mala e deixamos de carregar um peso imenso que é um ferro de passar.

O livro é bem diagramado, tem ilustrações que complementam o texto, mas na minha opinião, acho que as dicas poderiam ter sido melhor trabalhadas. É um livro introdutório ao assunto e talvez seu público seja realmente aqueles que precisam de um empurrão para começarem a se organizar. Apesar de ter deixado um pouco a desejar, é um livro bacana para eventuais consultas.

O primeiro passo para uma organização é se desfazer de tudo o que realmente não se usa, não se quer ou que esteja atrapalhando um determinado lugar.” – p.16

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr
Livros

Livro: Os Espíritos da Natureza – C. W. Leadbeater

11/08/2013

Livro Os Espíritos da Natureza

Em um dos meus passeios pelas livrarias aqui da Tijuca, deparei-me com esse livro na estante. Fiquei interessada por que não conheço de forma aprofundada os elementais da natureza, exceto as Salamandras, seres do fogo, com as quais tenho uma longa história. Resolvi compra-lo aproveitando que o preço estava bem convidativo (R$19,90) na Livraria Galileu.

O livro, contendo apenas 110 páginas, é de fácil leitura e o li em apenas um dia. Ele apresenta curiosidades apenas sobre as fadas – o que me deixou um pouco decepcionada, pois pensei que abordariam outros seres da natureza também. C. W. Leadbeater nos mostra como os espíritos desses pequenos seres se evoluem, como se relacionam entre si e com os humanos e as formas que podem ocupar em diferentes ambientes, como o fogo (salamandras), o ar (silfos) na água (ondinas) e na terra, mas não de uma forma estruturada. Achei que poderia separar melhor os capítulos para facilitar o entendimento do leitor.

Outro aspecto interessante do livro é a quantidade de imagens que possui, o que reduz consideravelmente o texto. Para quem busca uma compreensão bem superficial sobre o tema, acho que é um bom livro introdutório, mas que não supre questionamentos que podem surgir conforme a leitura avança. Apesar de ser um tema de cultura tradicionalmente oral, senti falta de um embasamento, além de uma melhor revisão do português, já que alguns erros conseguiram escapar.

Quanto à diagramação, achei muito boa, com uma fonte confortável aos olhos, assim como o espaçamento e o papel amarelado com gramatura alta, desejável em se tratando de livros. A capa também é muito bonita e como eu disse anteriormente, é um livro recomendado àqueles que querem buscar compreender de forma superficial ou introdutória o que são e como vivem as fadas.

Livro Natureza

Um trecho muito bonito que marquei foi o seguinte:

O homem corta e mata as árvores, corta as ervas, arranca as mais belas flores e sem qualquer remorso as deixa morrer. Mata a amável vida no seio da natureza, colocando em cima de flores e plantas placas de cimento, tijolos, estradas de asfalto; manipula produtos químicos provocando odores horríveis e matando a fragrância das flores com a fumaça preta saída das chaminés das indústrias químicas. É estranho que as fadas fujam e se afastem de nós, da mesma maneira que nós fugimos das cobras venenosas? – pag. 66
  • Título: Os Espíritos da Natureza
  • Autor: C. W. Leadbeater
  • Editora: Isis
  • ISBN: 85-88886-13-8

Livro NaturezaLivro Natureza

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr
Livros

Sensibilidade, O Diário de uma Jovem Mística

02/12/2012

Sensibilidade: diário de uma jovem mística

Escrito por uma carioca sob o pseudônimo Atma – alma, em sânscrito – o livro Sensibilidade é do gênero espiritualista e me chamou a atenção já nas prateleiras devido à sua capa cor de rosa. Com 308 páginas, em formato de bolso e com uma linda diagramação, possui corações impressos nas páginas internas e desenhos feitos por ela própria, já que é uma compilação de um diário real. A autora, prestes a completar 29 anos, narra sua trajetória em busca de sua realização espiritual.

Psicógrafa de um centro espírita e devota de Sathya Sai Baba, Atma consegue prender o leitor através de suas dúvidas, conquistas e descobertas referentes ao mundo espiritual. Com a sensação de que algo em sua vida mudaria ao completar 29 anos, acompanhamos sua história, com a sensação de que estamos muito próximos, que fazemos parte de sua vida. Seu diário, com quem dialoga e seus desenhos, nos coloca em contato com uma jovem simples, com extrema sensibilidade e dedicada, que não mede esforços para ajudar a quem cruza seu caminho.

O livro é recomendado àqueles que, como Atma, têm a mentalidade ampla e buscam por um avanço espiritual, desvendando seus próprios mistérios. Apesar de aparência feminina, o livro é indicado a qualquer gênero, pois as experiências espirituais são desprendidas de qualquer divisão criada pelos seres humanos. Um livro, sem dúvidas, emocionante do começo ao fim.

“Foi só uma percepção dessas meio turvas que tenho. O que importa mesmo é que a carta levou alívio para a Jeane. Ah, os olhos dela brilharam, tinha que ver! É este brilho que alimenta a minha alma, meu amigo. Entende? (…)”

Sensibilidade: Diário de uma Jovem Mística Sensibilidade: Diário de uma Jovem Mística Sensibilidade: Diário de uma Jovem Mística

Sensibilidade: O diário de uma jovem mística
Autora: Atma
Editora independente
Ano: 2007
307 páginas
Mais informações no Skoob

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr