Artigos sobre » Beleza
Beleza

Declutter e organização dos meus cosméticos

19/05/2016

Declutter e organização dos meus cosméticos | Camile Carvalho #camilecarvalho

Dando continuidade ao post anterior, hoje vim contar como fiz a organização dos meus cosméticos e maquiagens e como fiz a separação do que fica e do que seguirá outro destino. Se você ainda não leu o post anterior, clique aqui para ler.

Lembro que os posts mais acessados da época do blog Vida Minimalista eram aqueles em que eu mostrava, de forma bem pessoal, o dia-a-dia de uma organização com aquelas fotos de bagunça real. Sei que esse tipo de post aproxima ainda mais meus leitores, principalmente aqueles que estão buscando mudar suas vidas e ter um estilo mais simples.

De nada adianta apenas falarmos, se não mostramos como realmente funciona na realidade, e um dos meus projetos é voltar a compartilhar com vocês minhas arrumações, resultados e reflexões que faço enquanto me organizo.

Estou na energia de buscar comprar com mais consciência, respeitando agora não apenas os critérios cruelty-free, mas também conhecer produtos veganos e/ou orgânicos. Sei que é uma tarefa um tanto difícil, mas se a cada produto que acabar eu pesquisar antes de comprar um novo aleatoriamente, aos poucos terei apenas produtos que correspondem aos meus critérios.

Declutter e organização dos meus cosméticos | Camile Carvalho #camilecarvalho

~ tudo do armário

A organização

No meu guarda-roupas tenho uma parte onde guardo meus cosméticos (uma parte fica no banheiro), maquiagens e acessórios. Na época em que estava buscando viver uma vida minimalista, essa parte ficava muito organizada, mas bastou relaxar um pouquinho para que a bagunça voltasse com tudo.

Pra começar a organização, peguei tudo que tinha nesse espaço do meu guarda-roupas e coloquei no chão do quarto: cosméticos, maquiagens, acessórios e todas as tralhas. Acho esse passo importante pra termos a dimensão exata da quantidade de coisas que temos.

Como se não bastasse, ainda peguei todos os meus cosméticos do banheiro (exceto shampoo e condicionador) e juntei aos que estavam no chão, me fazendo perceber que sim, tenho coisas demais. E sim, tenho muitos produtos que não são cruelty-free, sejam porque ganhei ou comprei há muitos anos – o que é pior, pois significa que provavelmente estão fora da validade.

Declutter e organização dos meus cosméticos | Camile Carvalho #camilecarvalho

~ tudo do armário + banheiro

O que vai pro lixo

Neste caso, entendam lixo como reciclagem ou destinação correta a cada item. Peguei as embalagens de produtos, uma a uma e observei a validade. Separei em uma sacola tudo que vai para o lixo, ou seja, que já passou da validade ou que o produto já não apresenta mais um aspecto bom. Em alguns casos, podemos ter o produto ainda dentro da validade, mas por mal armazenamento acaba perdendo suas propriedades.

 Declutter e organização dos meus cosméticos | Camile Carvalho #camilecarvalho

vão pro “lixo”: fora da validade e estragados

O que fica e o que vai

Produtos de empresas que testam em animais foram colocados em uma sacola. Muitos não foram comprados por mim, mas às vezes ganho de presente e deixo encostado num canto, ou são daquela leva antiga, de quando eu ainda não consumia produtos cruelty-free e os tinha guardado pra usar até o final.

O que acontece é que por saber que testam em animais, fico evitando usá-los, até mesmo porque provavelmente tenho outros semelhantes cruelty-free. O destino final será doação. Muitos estão bons e quase sem uso e não tem motivo pra descartá-los. Seria desperdício.

O que se repetirá

Alguns produtos que tenho são tão bons (cruelty-free, veganos e orgânicos) e foram frutos de uma pesquisa anterior, como a minha pasta dental orgânica da Contente (Suavetex).

Agora que tenho uma visão geral do que tenho após o declutter, fica muito mais fácil me organizar pra usar os produtos até o fim e buscar conhecer outros que se adequem à minha nova visão. Alguns produtos já estão acabando, pois estou dando prioridade com o Project 10 Pan e logo atualizarei vocês sobre o andamento dos projetos e mudanças.

E você, usa produtos que não realizam testes em animais e/ou veganos, orgânicos? Compartilhe sua dica aqui!

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr
Beleza

Project 10 Pan: usando produtos até o fim

09/05/2016

Project 10 Pan: usando produtos até o fim | Camile Carvalho #camilecarvalho

Project 10 Pan é um projeto ideal para você que tem muitos produtos de beleza e quer fazer um declutter, mas sem desperdiçar os produtos que comprou com tanto carinho. A primeira vez que ouvi falar sobre Project Pan foi no blog Happy Tate, da Tatiana Lopes, e vou explicar aqui no blog como aderir ao projeto e como vou fazer aqui em casa.

É muito importante termos a noção da quantidade de produtos que temos em casa e principalmente da qualidade. Comprar de forma consciente é essencial para quem quer aderir a um estilo de vida mais minimalista e simples, além de que nosso consumismo exacerbado é insustentável em se tratando do nosso planeta. É muito mais válido termos um bom produto que compramos de forma consciente do que termos em casa vários que são mais ou menos, e que não são tão amigáveis ao nosso planeta.

Como funciona o project 10 pan?

O Project 10 Pan consiste em escolher 10 produtos que estejam quase acabandona verdade pode escolher a quantidade que quiser, mas a maioria seleciona 10 – para usá-los até o fim, e só então comprarmos um outro novo semelhante. Por exemplo, se você tem um condicionador de cabelos pela metade mas quer comprar um novo só porque viu num comercial, repense sua vontade de consumo e aproveite até o final aquele que já estava em uso.

Podemos fazer isso com qualquer cosmético e produtos de higiene pessoal. Às vezes ganho cremes hidratantes, maquiagens ou compro alguma novidade sem me dar conta de que tenho produtos semelhantes em casa. Então acabo abandonando aquele que já estava em uso e passo a usar apenas o novo. Se uma pessoa é consumista, acaba entrando nesse ciclo de compras e abandonos, e quando se dá conta, tem nas gavetas uma série de produtos usados pela metade e abandonados, muitas vezes quase terminando a validade.

Project 10 Pan: usando produtos até o fim | Camile Carvalho #camilecarvalho

Paguei caro, vou economizar…

Você também já teve aquele apego com algum produto que pagou caro? E fica economizando o uso para não gastar, mas quando se dá conta, o produto saiu da validade e seu destino é o lixo? Pois esse projeto é bem legal para quem também tem pena de gastar seus produtos caros, porque 1) se o produto que pagou caro for bom, devemos usá-lo e 2) se pagamos um alto valor em algo e ele passa da validade, perdemos dinheiro.

Separando 10 itens…

Venha comigo: abra suas gavetas e separe aquele batom caro que você não usa faz tempo, o creme hidratante que ficou no fundo do armário, os produtos de cuidado com a pele que você está com preguiça de usar e tudo o que você acha que vale à pena usar até o final, seja porque pagou caro ou porque o produto simplesmente é bom e você gosta. Não precisa separar o que você não gosta, pois esse projeto é feito para nos fazer bem, e não para nos obrigar a usar aquele hidratante cujo cheiro te dá enjoo. Neste caso, o bom seria passar adiante, afinal, nossos gostos são muito diferentes e o que você não gosta muito pode ser o preferido de alguém da sua familia ou de alguma amiga.

Se você não conseguir separar 10, pode ser menos, não tem problema. O importante é conhecermos melhor os produtos selecionados, colocá-los em uso, aproveitarmos com completude o dinheiro que investimos e frear um pouco o consumismo. Há casos em que pessoas acabam comprando o mesmo produto por não saber que já tem um em casa. Já aconteceu isso com vocês? Comigo já, com um esmalte…

Acabei de abrir minhas gavetas, fui na prateleira do banheiro e selecionei 10 cosméticos para usar até o fim que eu ou estava economizando, ou não lembrava mais que tinha. Quando acabarem, aí sim comprarei outro semelhante (mesma categoria) ou avaliarei se vale mesmo à pena ou se é algo supérfluo e comprado por impulso.

Project 10 Pan: usando produtos até o fim | Camile Carvalho #camilecarvalho

Cruelty-Free e compra consciente

De uns anos pra cá tenho comprado apenas produtos de empresas cruelty-free, ou seja, que não realizam testes em animais. Porém, não descartei meus produtos antigos que ainda estavam em uso. Caso apareça na lista algum produto que não siga essas especificidades, é porque foram comprados há muitos anos e ainda não os usei até o final.

Acho que esse projeto é também um bom ponto de partida para quem quer trocar seus cosméticos de empresas que realizam testes em animais em produtos cruelty-free, orgânicos ou de acordo com sua nova visão e princípios. Assim não jogamos tudo fora tendo que gastar muito dinheiro comprando novos que se encaixem no novo ponto de vista e aos poucos vamos fazendo substituições mais conscientes. Que tal?

Project 10 Pan: usando produtos até o fim | Camile Carvalho #camilecarvalho

Meus produtos

1// Cera nutritiva unhas e cutículas – Granado

2// Pó líquido natural touch – Contém 1G

3// Esfoliante corporal Sugar Love – The Beauty Box

4// Blush – MAC

5// Blush – Quem Disse Berenice?

6// Creme hidratante para mãos – The Beauty Box

7// Pó compacto – Vult

8// Corretivo facial – MAC

9// bb Creme – Quem Disse Berenice?

10// Gel de banho Snow Fairy – Lush 🌱

Confesso que alguns desses produtos não são meus queridinhos e não os compraria novamente. Mas vou fazer essa experiência de usá-los até o fim para não haver desperdício e de lembrar numa próxima compra que talvez aquele produto chamativo na prateleira não seja tão essencial assim na minha vida. Conforme for terminando, vou fazer resenhas deles aqui no blog e contar se compraria novamente ou não.

Project 10 Pan: usando produtos até o fim | Camile Carvalho #camilecarvalho

Se você já conhece o Project 10 Pan ou é a primeira vez que lê sobre o assunto e deseja participar também, conte aqui nos comentários! Vamos usar nossos produtos até o fim e termos uma atitude mais consciente na hora das nossas compras?

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr
Beleza, Videos

Video: Minha transição capilar #2 – O corte

18/02/2016

Eu sei que já faz um tempinho que cortei o cabelo, mas só agora editei os vlogs do dia que cortei e o depoimento que dei logo após o corte. Pra quem está em transição capilar, abandonando as químicas e em busca de um cabelo mais natural, meu conselho é que corte sem dó. O cabelo parece que “respira” melhor, fica muito mais maleável e responde bem aos tratamentos de hidratação, sem aquele aspecto poroso dos fios.

Além do mais, a parte danificada com química não deixa que os cachos se formem. Quando eu lavava o cabelo e amassava as pontas pra formar os cachos, ele durava até secar. Logo em seguida os cachos ficavam apenas na parte crescida das raízes e as pontas ficavam com aquele aspecto alisado.

Depois que cortei, o cabelo ficou mais leve e mais fácil de moldar, de segurar os cachos. Claro que ainda não saiu a química toda, mas eu não queria mais esperar para fazer o corte. Daqui a uns 6 meses, mais ou menos, pretendo fazer novamente o corte pra remover o restante da química que ainda está nos fios, que é de aproximadamente 10cm.

E você? Já passou por química e depois resolveu voltar aos cachos naturais? Como foi seu processo?

Assista o vídeo, dê um like e se inscreva no meu canal para receber as atualizações assim que ocorrem. 🙂

Se você não assistiu a primeira parte do vídeo, clique aqui e assista.

Compartilhe o artigo:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on Tumblr